Escolas Superiores Portais
ESEESAESTGESSESCEESDL MULTIMÉDIAINTERNACIONAL
Escola Superior de Educação
Escola Superior Agrária
Escola Superior de Tecnologia e Gestão
Escola Superior de Saúde
Escola Superior de Ciências Empresariais
Escola Superior de Desporto e Lazer
SASOTICEMPREGO
 
   
 

Programa Unidade Curricular

Curso
Unidade Curricular
Ano
Periodo
ECTS
Ano Letivo
Engenharia Civil e do Ambiente
Patologias e Reabilitação de Edifícios
2
S2
5
201920

 
T
TP
TC
P
PL
L
S
E
EC
O
OT
Horas de Contacto
0
21
0
0
32
0
0
0
0
0
0

Equipa Docente
Nome
Carga Letiva na UC
Responsável
José Manuel Ferreira da Silva
53

Resumo
A disciplina permite que os alunos se familiarizem com as principais anomalias nos edifícios, as causas dessas anomalias e posteriormente equacionem de forma crítica as possíveis soluções de reparação. São paralelamente dadas a conhecer as propriedades mais relevantes dos materiais e as técnicas e soluções construtivas oferecidos pelo mercado da construção civi.
São, como corolário, criadas competências para que os alunos consigam executar um projeto prático de reabilitação, identificando anomalias, causas das anomalias e soluções de reparação mais adequadas.

Objetivos da Aprendizagem
1- 1- No final desta unidade curricular o aluno deverá conseguir conhecer, interpretar e diagnosticar patologias de caráter não estrutural de edifícios.
2- 2- Após a fase de diagnóstico, o aluno deverá conseguir selecionar a técnica/tecnologia de reabilitação mais adequada tendo como base de análise o diagnóstico estabelecido numa fase prévia. O aluno deverá adequar as soluções de reabilitação preconizadas no projeto de reabilitação aos materiais e tecnologias construtivas oferecidos pelo mercado da reabilitação de edifícios.

Conteudos Programáticos
Horas
1- 1. A conservação e reabilitação de edifícios - políticas, ações e organismos
3
2- 2. Critérios gerais para a reabilitação de edifícios
2.1. Exigências de qualidade das intervenções
2.2. A análise, o diagnóstico e a terapêutica
2.3. A execução das obras, o seu planeamento e acompanhamento
2.4. A organização do estaleiro em obras de reabilitação
4
3- 3. Projeto e diagnóstico de patologias em edifícios
20
4- 4. Principais patologias
4.1. Patologia de fachadas
4.2. Patologia de coberturas
4.3.Patologias de pavimentos
6
5- 5. Reabilitação de edifícios
5.1. Tecnologias de reabilitação
5.2. Soluções de intervenção
5.3.Metodologia para elaboração de projetos de reabilitação
5.3.1. Memórias descritivas com soluções técnicas
5.3.2. Cadernos de encargos exigenciais
5.3.3. Desenvolvimento de pormenorização
20

Metodologias de Ensino
Aulas teórico-práticas (TP): Exposição teórica interligada com apresentação de casos práticos referentes aos conceitos abordados.

Aulas práticas (PL): Realização, em regime de grupo, de um trabalho prático versando a proposta de um conjunto soluções relativas ao projeto de reabilitação de um edifício existente, tendo em atenção a prescrição de soluções de reabilitação recorrendo a materiais e tecnologias construtivas existentes no mercado

Avaliação
Avaliação por frequência (TP): Realização de 1 prova de frequência. Realização de exame final teórico-prático com consulta controlada nas épocas de exame (40%)

Avaliação contínua por projeto (PL): Realização, em regime de grupo, de um trabalho prático versando a proposta de um conjunto soluções relativas ao projeto de reabilitação de um edifício existente, tendo em atenção a prescrição de soluções de reabilitação recorrendo a materiais e tecnologias construtivas existentes no mercado. (60%)

Bibliografia Principal
HENRIQUES, Fernando M. A. - Humidade em paredes. 2ª ed. Lisboa : LNEC, 1995. XI, 168 p.. ISBN 972-49-1592-1

SOUSA, A. Vaz Serra e, ed. lit. - Manual de aplicação de telhas cerâmicas. Coimbra : Centro Tecnológico da Cerâmica e do Vidro, d.l.1998. 160 p.

SOUSA, Augusto Vaz; SILVA, J. A. Raimundo Mendes da, ed. lit. - Manual de alvenaria de tijolo. Coimbra: APICER, d.l. 1998. 208 p.

SOUSA, Augusto Vaz Serra e; FREITAS, Vasco Peixoto de; SILVA, J. A. Raimundo Mendes da, ed. lit. - Manual de aplicação de revestimentos cerâmicos. Coimbra: Associação Portuguesa da Industria de Cerâmica, 2003. 248 p.

BRANCO, J. Paz - Manual do pedreiro. Lisboa: LNEC, 1981. 198 p.

LUCAS, José A. Carvalho - Revestimentos de paredes independentes do suporte executados com telhas cerâmicas planas. Lisboa: LNEC, 1984. VII, 33 p.. ISBN 972-49-1627-8

RODRIGUES, António Moret ; PIEDADE, António Canha da ; BRAGA, Ana Marta - Térmica de edifícios. Amadora: Orion, 2009. XIII, 673 p.. ISBN 978-972-8620-13-4

LOPES, Jorge M. Grandão - Revestimentos de impermeabilização de coberturas em terraço. reimp. Lisboa: LNEC, 1995. XXII, 288 p.. ISBN 972-49-1618-9

LOPES, Jorge M. Grandão - Anomalias em impermeabilizações de coberturas em terraço. reimp. Lisboa: LNEC, 1995. VIII, 64 p.. ISBN 972-49-1617-0

Bibliografia Complementar
Apontamentos diversos fornecidos pelo docente e disponibilizados no Moodle para download

Vasconcelos Paiva Guia técnico de reabilitação habitacional, NS 108 (2 Volumes), LNEC, 2006

Brazão Farinha Reabilitação e Manutenção de Edifícios?, Verlag Dashofer, 2006

Vasco Freitas, Marília Sousa Patologia da Construção. Elaboração de um catálogo, LFC, FEUP, 2004.

LUCAS, J. A Carvalho - "Classificação e descrição geral de revestimentos para paredes de alvenaria ou betão" - ITE 24, LNEC, Lisboa, 1990

Processo n.º 83/11/7334 Fissuração de Paredes de Alvenaria LNEC, Lisboa
 
 
 

Em destaque

EM AGENDA

D S T Q Q S S
 
 
 
 
1
 
2
 
3
 
4
 
5
 
6
 
7
 
8
 
9
 
10
 
11
 
12
 
13
 
14
 
15
 
16
 
17
 
18
 
19
 
20
 
21
 
22
 
23
 
24
 
25
 
26
 
27
 
28
 
29
 
30
 
31
 
Format: 2020-10-20
Format: 2020-10-20

Sem agenda para este dia.